protesto… tem que ser de rua!

Olá!

d4ee4878-69e5-4b1b-a82a-9a69896470c2

O texto publicado na revista Carta Capital caracteriza-se quase como um grito contra a maquiagem que os meios de imprensa tenderam a produzir sobre os protestos contra o aumento das tarifas do transporte em São Paulo.

Beira o ridículo a ideia de protestar no Facebook, de fazer abaixo-assinado, de enviar e-mail para as “autoridades”… Protesto sempre foi de rua! E, se há alguma coisa de relevantes em jogo, sempre haverá a truculência da polícia e a produção jornalística surreal para encobrir qualquer iniciativa de pensamento livre, de pensamento crítico.

Protestar no Facebook não adianta. Tem que fechar avenida

Abraços a todos!